Sinopse: Taylor Caldwell não pode decidir se ela quer beijar o colega de faculdade novo ou socá-lo. Por um lado, Hunter Zaccadelli é um belo pacote de charme com olhos azuis. Por outro lado, ele é um tatuado, guitarrista e bad boy. Talvez seja por isso que Taylor tem medo de se apaixonar por ele, ou qualquer outra pessoa. Ela não quer se queimar, e mesmo que seus colegas de quarto o adorassem, ela quer que ele vá embora, antes que seja tarde demais. Hunter já tinha se queimado antes, mas o fato de Taylor ir com sua cara e de chamá-lo de lixo e de ter a risada mais sexy, o faz pensar que talvez o amor não seja uma causa perdida. Eles fazem uma aposta: se ela pode convencê-lo de que ela realmente ama ou o odeia, ele vai sair do apartamento - e deixá-la sozinha. O problema é que, quanto mais o tempo os dois passam juntos, menos ela o odeia, e mais se move em direção ao amor. Mas quando o homem que detém a chave para o medo de Taylor ressurge, seu coração se vê ameaçado e tudo pode se desfazer, ai ela tem que decidir: confiar a Hunter seu maior segredo, ou fazer tudo que pode para ganhar essa aposta e afastá-lo para sempre. 


    A historia é baseada em Taylor e sua nova vida na faculdade, ela está num dormitório com suas outras duas amigas Darah e Reene e elas estavam esperando uma nova companheira de quarto chegar, mas ao invés de uma menina chegar, o garoto dos sonhos aparece de mala e violão na porta delas, a Taylor dá uma pirada total por isso, ainda mais porque ela acha ele um idiota, ele não deu muitos motivos pra isso, mas foda-se, ele é gato, ela é atraída por ele, então, ele é um idiota, fim.
    A melhor parte é que eles acabam tendo que dividir o mesmo quarto, trabalham juntos e até tem aulas de Sexualidade Humana juntos, é como ela diz num trecho, ela dorme vendo ele, acorda vendo ele e passa o dia vendo ele, é um pouco sufocante, até eu admito, mas ela pira por que ela é atraída por ele mas não quer ser atraída por ele. Ela sofreu um problema com a sua irmã mais velha no passado então ela não confia rápido nos homens, mas não é só ela que tem seus problemas e segredos, Hunter também tem e o mantém a sete chaves.
    Eu não tenho como descrever a Taylor, eu tento achar adjetivos para isso e não vêm nenhum em minha mente, mas não vão achar que isso é uma coisa ruim, pelo amor do amor. Ela é um pouco de tudo, sabe? Horas ela mostra sua coragem e determinação e outras o seu medo e fragilidade. Já Hunter, bem ele é praticamente o namorado dos sonhos, eu queria ter um Hunter na minha vida, totalmente e literalmente. Ele sabe ser fofo, compreensivo, dócil, amável e ele é um expert em cozinha e música, quem não ia querer um cara pra fazer o que você quiser comer sem questionar e que tocasse música pra você dormir ou relaxar? Alguém com sérios problemas não ia querer -_- . 
    Ele também é muito 'coisado' com essas coisa de sorte, ele tem 5 tatuagens, todas são da sorte, a mais visível e a primeira que a a Taylor vê é a tatuagem do número 7. E na historia também rola uma aposta, meio que um compromisso, se ela falar que o odeia e ele sentir que é de verdade ele vai embora do dormitório, e se ela disser que o ama e ele sentir que é verdade ele também vai embora, é meio estranho, mas dá certo, haha.
    Eu sinceramente amei o livro, leria várias vezes seguidas se possível, eles tem seus altos e baixos mas dão certo do jeito deles, e isso que importa.

Deixe um comentário