Sinopse: Quando a vida desmorona ao nosso redor, o quão duro que estamos dispostos a lutar por uma coisa que não podemos viver sem?
A vida é cheia de momentos. Grandes momentos. Pequenos momentos.
E nenhum deles é inconsequente. Cada momento prepara você para que uma instância que define a sua vida. Você tem que superar todos os seus medos, enfrentar os demônios que persegue e limpar o veneno que se apega a sua alma ou corre o risco de perder tudo.
O meu começou no minuto que Rylee caiu daquele armário de armazenamento. Ela me fez sentir. Completou-me, quando tudo o que eu pensei que eu poderia ser era incompleto. Tornou-se a tábua de salvação, que eu nunca pensei que precisava. Claro que sim, ela vale a pena a luta ... mas como você lutar por alguém que você sabe que você não merece?
O amor é cheio de altos e baixos.O coração parando de subir. Alma se estilhaçando. E nenhum deles é insignificante.
O amor é uma troca de pista de corridas que devem ser negociadas. Você tem que quebrar paredes, aprender a ter confiança, e se curar de seu passado, a fim de ganhar. Mas às vezes é a expectativa que é o mais difícil de segurar.
Colton curou e me completou, roubou meu coração, e me fez perceber o nosso amor não é previsível, nem perfeito, ele é curvado. É curvado e está bem. Mas quando fatores externos colocam a nossa relação em check, que distância terei que ir para provar a ele que ele vale a pena a luta? Quem disse que o amor é paciente e bondoso, nunca conheceu a nós dois. Sabemos que o nosso amor vale a pena - reconhecemos que nós fomos feitos um para o outro, mas quando nosso passado colidiu com o nosso futuro, as repercussões nos tornarão mais fortes ou nos separarão?

O livro cita a dificuldade do Colton sobre o retorno às pistas de corrida após o acidente, a ajuda essencial da Rylee para a melhoria dele. Ambos estão mais fortes e seguros sobre o relacionamento deles, não tem mais tanta àquela crise de relacionamento que ambas tinham em ambos os primeiros livros. E há também uma grande participação do pai do Zander. Com toda a certeza do mundo eu amo a forma em que o Colton pede a Rylee em casamento, é bem diferente dos livros que já li e de toda a certeza está no meu top 10 de pedidos. Eu achei o final perfeito e foi um ótimo fechamento para a história, eu me surpreendi muito com uma certa coisa que o casal faz que mostra no epílogo. Eu tenho que admitir uma coisa, tem uma certa cena em que eu chorei, mas eu culpo o Colton e a música My Love da Sia, quem conhece a música deve ter uma noção por causa do meu momento choro.

Deixe um comentário