Sinopse: Isabella "Izzy" McKenna acabou de sair de um relacionamento de dois anos, bem, ela realmente não podia chamá-lo de um relacionamento. Era mais como dois anos de ser dominada e controlada por um homem bonito, dominador e poderoso. 
Quando ela finalmente decide deixá-lo, depois que ele a empurra longe demais, ela revive sua amizade com sua melhor amiga da faculdade. 
Mal sabia Izzy que reacender sua amizade também acaba jogando-a em um relacionamento amoroso com um homem incrível, divertido e lindo - mas às vezes ciumento – proprietário de um bar chamado Z. 
Será que infância horrível de Izzy e relação de domínio do passado pode mantê-la de finalmente encontrar o amor que ela sempre procurou? Ou ele vai estragar o que está ao seu alcance?



     Eu adorei o livro, adorei mesmo. A Izzy e o Z se conhecem logo após ela fugir do seu ex... Companheiro. Ela vai morar com sua melhor amiga num apartamento, nele ela acaba morando também com o Flynn e o Clark. Zander é amigo de todos os três, então quando pedem pra contratar a Izzy, ele não pode negar, ainda mais por sentir uma grande atração por ela de primeira vista.
     A Izzy veio de um relacionamento BDSM, o grande problema foi que ela não gosta disso, ela fez tudo apenas com a esperança do cara amá-la, idiota? Totalmente.
     Z tem um gosto fodido para mulheres, todas o traem ou o deixa, ela namora atualmente a Sheila, mas numa noite ele chega em casa e a vê transando com um cara no sofá dele. Isso deu um bafafá louco, ele ficou todo pra baixo, só queria a companhia do seu engarrafado Jack.
     Quando Z fica totalmente recuperado ele cede à atração que tem por Izzy, o problema é que como eles não estão juntos ele tem que aguentar o ciúme constate de ver vários homens ao redor dela no bar
— O que há com você cara? 
—Eu acho que Izzy está flertando com esses dois caras! 
— Bem vindo à porra do meu mundo, amigo. Bem vindo ao meu mundo!
     Isso é um diálogo do Z e do Flynn, que é apaixonado pela Mel, amiga da Izzy, mas eles são idiotas ao redor um do outro e não ficam juntos.
     Como o ex da Izzy é tipo o poderoso chefão ela fica meio paranoica achando que alguém está seguindo-a constantemente. Então ela fica paranoica, e eu fiquei paranoica junto, pra mim todo mundo era espião do ex dela, e quando ela se envolve com um cara chamado Mark, eu já achei que fosse uma armação, ainda mais que ele está ligado a empresa do ex dela.
     Z e Izzy finalmente se envolvem e ela termina com o Mark, mas óbvio que depois de um tempo os dois vão pra pancada.
     O Z é extremamente ciumento, ele sempre acha que a Izzy vai fazer o que todas as ex dele fizeram, só que a Izzy é uma submissa ainda, então ela ainda tem umas manias que o ex dela impôs, até pra gozar ela precisa da permissão dele.
     O livro é bacana e tal, no final mostra o ex dele, e porra, o cara é um filho da puta, pra ele ela era tipo uma prostituta, ele até deu dinheiro pra ela pelo tempo de duração do "relacionamento", foi foda, eu teria esganado o cara, literalmente.

Um Comentário