Sinopse: Crescendo do jeito que eu cresci, você pensaria que eu seria mais louca do que realmente sou. Logo que fiz 16 anos, coloquei os pés na estrada, chamei de casa e busquei minhas chances na rua. Melhor decisão que já tomei. 
Agora, com a idade de vinte e seis, sou educada, independente e muito boa no que faço. Meus amigos se tornaram minha família. Como eu, eles sabem o que é crescer sem ser amado. Mas o ditado é verdadeiro. 
O mundo abre caminho para aqueles que sabem onde estão indo. Essa sou eu. 
Eu sei onde eu vou e eu vou chegar lá eventualmente. 
Do meu jeito e no meu próprio ritmo. Mas depois há ele. Sinto seus olhos em mim. Eu o vejo se escondendo em plena vista. Ele me observa. Ele me faz sentir. Não é convencional. Mas é real. Tenho certeza que você está se perguntando como uma pessoa se apaixona pelo seu perseguidor. Assim como eu. Isto não é uma história. Isto é a minha vida.





    Esse livro fazia parte da minha lista de favoritos antiga, e eu nunca o reli, pois ainda não está disponível a tradução do livro Dirty que é o segundo da série. 
  Eu acho esse livro bem doido pra falar a verdade, acho que eu só começo a gostar do relacionamento deles mesmo quando eles se tornam namorados que é bem no final, na verdade, acho que o final é que fez o livro bom, eu chorei quando uma certa pessoa morreu, chorei na primeira vez que li e chorei agora, eu adoro a última cena do livro, acho que foi bem encaixada e eu não consigo mais esperar para ver como será o segundo, estou quase a ler em inglês mesmo. 
    Eu acho o relacionamento deles bem fodido por que eu não sou doida de ir pra cama com um cara que me persegue constantemente e que sabe tudo da minha vida de alguma forma bizarra e não me preocupar com isso. Sem contar que o Twitch e a Lexi tem aquele sexo bem... Diferente, e que ela não sabe nem o verdadeiro nome dele, quem leu o epilogo deve saber quem ele é, mas ela não. 
    Quem gosta de um romance dark, porém um pouco leve, esse livro é uma boa escolha.

Deixe um comentário