Sinopse: História de Max & Belle 
Este não é o homem com quem me casei.
O homem com quem casei era forte, belo e puro.
O homem com quem casei amava nossas vidas juntos.
O homem com quem me casei me amava.
Esse... Esse não é aquele homem.
Uma noite. Um acidente. Isso muda tudo.
Eu gostaria de poder te dizer o exato momento em que ele não meamava mais. Eu gostaria de poder te dizer que havia esperança. Que euesperei. Que eu lutei. Eu gostaria de poder te dizer que eu concertei.Que felizes para sempre estava fora do nosso poder.
Não estava. Fugi, na calada da noite, arrumei minhas coisas e eu o deixei.
Agora estou de volta. Ele ainda é o mesmo homem. Um lutadormortal para a House of Obsidian. Ele ainda é perigoso. Ele ainda estáquebrado. Eu ainda o amo.
Esta é a parte onde eu deveria virar e fugir... Mas eu não vou.


  

          Eu adoro os romances da Bella Jewel, são sempre gostosos e fáceis de ler. Eu conheço a autora como aquela que faz livros curtos, romances não enjoativos e que passa por certo drama. Este não é diferente. Sempre que lança livros novos eu leio, e não me arrependo, apesar de ser curto e tudo acontecer meio "rápido" eu não me importo, e olha que, eu particularmente odeio histórias curtas, só que a Bella escreve-se um modo que não faz você sentir como se estivesse faltando algo. A história flui, apenas mais apressadamente. 

         Então gente, o casal da história se resume em a garota invisível, Anabelle e o garanhão da faculdade, Maximus, que tem uma "namorada" psicopata, Demi. Max se apaixonou pelos olhos azuis de Anabelle  desde a primeira vez que esbarrou nela, ela era sua Blue Belle. Belle é um amor, ela não é enjoada, ela não é do tipo não me toque porque você é encrenca, ela se torna amiga de Max, eles riem, brincam, se divertem, e quando ele termina com a vadia da namorada, um tempo após ele ficam juntos, claro, é tudo está um mar de rodas, eles se casam, e vivem felizes por lindos cinco anos, até o Max assistir um acidente de carro e isso mudá-lo. 

         Eu não sei, eu não achei que a situação merecia tanto drama como a história tem foco, isso destruiu ele e seu casamento, foi uma situação tensa, mas permitir que isso o destrua de tal forma? Foi meio... não sei. É , foi meio "não sei." 

         Então, quando Bell está saturada de tudo, e o Max diz que não a ama ela sabe o que fazer, ela tem que fazer o que é melhor pra ela e o bebê que ela está carregando, ela vai embora. E o Max nunca descobre sobre sua filha, Imogen, que tem um nome meio estranho, mas tudo bem. 

         Enfim, o drama da história é particularmente isso, o livro é bom, é fácil, rápido e você lê até o fim sem problemas. Eu meio que tenho ideia que como vai ser o segundo livro da série pois a autora meio que mostrou nas últimas cenas, e eu estou bem ansiosa pra saber a história do cara e da morena misteriosa.

Deixe um comentário