Sinopse: Ariel nunca soube que aliens existiam até ela é raptada e levada da Terra. Quando o Povo de Anzon declarara que ela é um ser humano inútil, ela descobre o seu destino - ser o prêmio para o vencedor de uma luta brutal entre grandes e musculosos homens alienígenas.
Ral é um guerreiro Zorn. Ele também foi raptado pelo Povo de Anzon, juntamente com sua equipe. Forçado à escravidão, ele só tem uma coisa em sua mente - libertar o seu povo. Isto é, até que ele vê a pequena mulher humana, e ele está disposto a lutar para vencer. Ele não quer apenas o seu corpo, ele quer o seu coração para sempre.
Nas mãos do grande e quente alien, Ariel está prestes a descobrir como cativeiro pode ser prazeroso...




          O livro é bom, mas eu queria mais história, a situação em que eles se encontram MERECIA algo mais aprofundado. Não é todo dia que uma mulher humana é levada por aliens e se vincula há um. Isso merece ou não merece um livro longo? Pra mim sim.

          Enfim, uma boa parte da história é sexo, acho que 70% das cenas é relações sexuais, no primeiro dia que eles se veem eles se vinculam.

          O livro não é ruim e a historia também não, mas eu queria mais foco no quesito “Fui tirada da terra e agora estou vinculada há um alien.” Quem gosta de cenas picantes pode ler esse livro a vontade por que o Ral é uma delicia. E o livro é bem pequeno então você não vai demorar muito para ver o casal juntos.

Um Comentário